Total de visualizações

!!

!!

Idosa se engasga, quebra a perna, cai de maca e morre

 
 
Uma sequência de acidentes tiraram a vida de uma idosa de 89 anos, nessa terça-feira (25), em Campinas, São Paulo. A mulher sofreu um engasgo durante a madrugada e, ao ser socorrida pela família, quebrou a perna. O óbito, contudo, ocorreu sob os cuidados do Samu. Ao ser transportada até a ambulância, a idosa caiu da maca e chocou a cabeça contra a calçada, em frente à sua casa.

O caso foi relatado por um dos filhos à emissora EPTV, afiliada da TV Globo. Segundo ele, os funcionários do Samu aparentemente não puseram o cinto da maca na paciente, identificada como Antônia da Cunha Dias.

– Eu tenho certeza [de] que foi traumatismo craniano, que ela não morreu de causas naturais, como eles estão tentando dizer. Apesar dos problemas de saúde, ela era uma pessoa forte – declarou o homem, que preferiu não se identificar.

Após a queda da maca, outra equipe do Samu foi enviada até o local e tentou reanimar a paciente, sem sucesso. O corpo foi levado ao IML, e o motivo da morte ainda está sendo apurado. A polícia já recolheu os depoimentos dos socorristas, e uma perícia foi realizada no local do acidente.

A Rede Mário Gatti, responsável pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência na cidade, informou ter aberto processo administrativo sobre o caso. Os profissionais, porém, não foram afastados em razão da presunção de inocência.

– O procedimento administrativo já foi instaurado, [foram] colhidas as manifestações dos envolvidos, assim como as fichas de regulação, atendimento e boletim de ocorrência e encaminhados para o jurídico. O laudo do IML será juntado ao processo quando for emitido. Não há prazo, pois ainda é necessário o laudo do IML. Não pode haver presunção de culpa, por isso o processo foi instaurado e segue sem o afastamento dos profissionais envolvidos no incidente.

 
 
Fonte: Pleno News